quinta-feira, 12 de outubro de 2006

Pobreza zero

Já falei sobre este assunto no meu outro blog. Mas como nunca é demais lembrar e agora que surgiu uma nova iniciativa aqui fica mais uma vez o meu apelo. Sei que é difícil atingir os objectivos que esta campanha propõe mas acho que quantos mais nos juntarmos, quantos mais formos, quantos mais soubermos, quantos mais nos levantarmos,quantos mais passarmos a mensagem talvez um dia consigamos acabar com a pobreza.
Aqui fica um pequeno vídeo. (Para visualizar o vídeo precisa ter o Quicktime instalado)
A nova campanha encontra-se aqui descrita. E em mais promenor aqui.

Música de Orishas


Powered by Castpost

6 comentários:

marakoka disse...

talvez..um dia......
jocas maradas

Anónimo disse...

Sempre atenta às causas! E vale a pena pelo menos tentar...
Bjs Lena

Anónimo disse...

Com todo o respeito,Tété(porque denunciar e informar também é importante)mas...precisar de 10.000 pessoas para entrar no guiness...A pobreza dispensa esses mediatismos talvez precise mais de medidas concretas e eficazes;que é uma questão dos governos,sem dúvida mas também é da sociedade civil,pelo menos dos que à partida se incomodam com isso.Se fosse eu a fazer uma campanha,pedia ás 10000 pessoas por exemplo,que para o ano abdicassem das férias no Brasil, em Cuba,na Rep Dominicana e.t.c.,e.t.c.para com esse dinheiro matar a fome a alguns dos pobres que existem em Portugal.
Será que muitos dos que falam contra a pobreza eram capazes de tamanho sacrificio?
Beijinhos
kaloira

Mitsou disse...

Vou lá a seguir, Teté.
Mas também concordo com o que diz a kaloira e lembro-me de uma afirmação feita por uma sobrevivente do Katrina: "Descobri que conseguia viver com nada."
Quando percebermos que as "coisas" são apenas isso, talvez as mentalidades mudem...

Obrigada pela visita à "garagem dos bailes" e uma boa semana, amiga.

Madalena disse...

Obrigada por estares sempre atenta às causas!!!!!
Mil beijinhos!

125_azul disse...

Tu és uma guerreira, crente e valente, sempre pronta para divulgar as grandes causas. Quem dera...
Beijinhos, boa semana